Arsenal volta a perder em casa na pior jornada há 61 anos

NOTÍCIAS

ARSENAL volta a perder em casa na pior corrida há 61 anos ao cair para a parte inferior da tabela

A época terrível do Arsenal continuou hoje, domingo, 13 de dezembro, a perder por 0-1 no Emirates, para o Burnley, vendo o seu médio suíço Granit Xhaka, já com cartão amarelo, vermelho na segunda parte, por conduta violenta, agarrando Ashley Westwood pela garganta, e VAR não dando ao árbitro outra opção senão mandá-lo embora.

Depois de oito jogos sem marcar, Pierre-Emerick Aubameyang finalmente teve a bola na baliza, infelizmente, colocou a bola na baliza errada, para um autogolo que selou o jogo, embora, para ser justo com ele, parece não ter o serviço certo para produzir qualquer golo neste momento.

A pressão está a aumentar agora sobre Mikel Arteta para dar a volta por cima, enquanto ainda tem tempo, com muitos adeptos a pedirem o regresso de 350 mil libras por semana, Mesut Ozil, o internacional alemão que nem sequer está no plantel de 25 homens, uma vez que o seu contrato termina no próximo verão.

Na entrevista de pré-jogo, Arteta deu a entender a possibilidade de Ozil apresentar em breve, talvez o tipo de jogador que pode inspirar a “máquina de golo gabonês”, Aubameyang, a começar a bater novamente os golos.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *